No dia 8 de março homenageamos as mulheres de nosso colégio pelo Dia Internacional das Mulheres.

Não ignoramos os fatos históricos por trás desse dia. As lutas e reivindicações das mulheres por melhores condições de trabalho e direitos sociais e políticos.

Mas, dentro da Filosofia de Educação Adventista, não vemos a necessidade da mulher lutar por igualdade de direitos, já que, assim como os homens, as mulheres foram criadas e dotadas das mesmas habilidades e capacidades.

Bioquimicamente e psicologicamente mulheres são diferentes dos homens. Não melhores e nem piores apenas diferentes.

Poderíamos neste dia destacar as vitórias de muitas mulheres nos diferentes campos de atuação humano mas destacamos uma cuja história aparece nas páginas da Bíblia. Ester. Uma mulher que realizou uma importante função política em seu tempo em prol de seu povo. O enbfoque era para que nossas meninas entendessem que são mulheres para este tempo. Para fazerem a diferença neste tempo, assim como Ester fez no seu.

Neste dia, nós homens aplaudimos, cantamos, recitamos, falamos, enfim, buscamos prestar uma homenagem às nossas mulheres, que não precisam de um dia para serem amadas e respeitadas.